ARQUITETURA ESCOLAR INFANTIL SOB A ÓTICA DO MÉTODO MONTESSORI

Eduardo Benevides Marvila

Resumo


Além de promover a descoberta e o conhecimento, a educação infantil também
interfere na personalidade da criança. Este trabalho inclui o uso da teoria de ensino Montessori e o uso de ferramentas como jogo, ludicidade, cor e funções auxiliares para estudar a importância da arquitetura escolar no processo de ensino. O objetivo foi ilustrar como a arquitetura e os métodos de ensino montessoriano proporcionam uma educação de qualidade. A importância desta pesquisa se justifica, pois, este é o estímulo que a educação de Montessori pode proporcionar para que as crianças aprendam, tornando a educação uma ferramenta que as incentiva a aprender de forma prazerosa. A metodologia utilizada neste trabalho é uma pesquisa bibliográfica sobre o assunto, e um estudo de caso articulando a teoria com a prática. Os resultados deste trabalho enfatizam a necessidade de edifícios escolares queauxiliem o processo de ensino por meio do uso de estruturas físicas, o que ampliará os mecanismos que contribuem para o desenvolvimento cognitivo dos alunos.
Conclui-se que as principais características das instituições de ensino baseadas no Método Montessori e como elas operam, além de fornecerem recursos que mostram como a arquitetura é benéfica ao processo de ensino, também apresentam um ambiente planejado, agradável e que beneficia a educação, tornando-se essencial para o crescimento das crianças.


Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.