HUMANIZAÇÃO DE AMBIENTES HOSPITALARES ONCOLÓGICOS

Laila de Moraes Agustinho

Resumo


A presente pesquisa tem como objetivo o desenvolvimento de um projeto de
arquitetura hospitalar oncológico, priorizando os pacientes em tratamento e
buscando soluções, disposto a proporcionar uma melhor qualidade de vida e o
restabelecimento destes. Além de atribuir-se a todas as precisões funcionais, carece atender também às exigências que são capazes de intervir sobre a psique do paciente para uma recuperação mais acelerada, tal como a solução de layout do ambiente. A arquitetura tem como finalidade conceber espaços que possibilitem o conforto e bem-estar dos indivíduos que deles usufruem. Existe uma diferença concebível entre a venustidade e a eficiência da humanização hospitalar. Projetar ambientes que possibilitem a cura não se trata apenas de locais agradáveis e confortáveis. É vital ter entendimento científico e compreender no que se refere a doença no qual aquele ambiente irá tratar, a fim de possibilitar a ele um lugar que influi de modo positivo na sua recuperação, tendo em vista auxiliar reordenações dos formatos existentes e estabelecer novos projetos no domínio da humanização no contexto especificado.


Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.